Munique adia a Oktoberfest. E Blumenau, cancela

As duas principais festas da cerveja do mundo foram adiadas. Ao menos até agosto, quando os organizadores se reunirão para fazer uma nova avaliação da conjuntura da pandemia.

 

O festival foi criado pelo rei bávaro Luís I para celebrar o seu casamento em 1810. Foto: PxHere

Mais um importante evento mundial pode ser cancelado este ano. Devido ao Covid-19, Munique possivelmente não realizará a tradicional Oktoberfest, a maior festa da cerveja do planeta. O comunicado foi feito na quinta-feira (23) por Markus Soeder, primeiro-ministro do Estado da Baviera, no sul da Alemanha.

Inicialmente, o evento está programado para ser realizado entre os dias 19 de setembro e 4 de outubro. Contudo, a decisão final somente acontecerá após uma reunião entre Soeder e o prefeito Dieter Reiter nas próximas duas semanas.  Vale lembrar que, embora o seu nome signifique festa de outubro, é comum a maior festa de cerveja do mundo começar no final do mês de setembro, se estendendo por 16 dias.

O evento traz icônicos pratos alemães, desde salsicha, hambúrguer de pato, carne de marreco e joelho de porco ao Apfelstrudel, uma torta de maçã com massa folhada. Foto: Divino Blog

Ainda na semana passada, o governo alemão e os governadores regionais concordaram em começar a amenizar algumas das regras de isolamento social introduzidas em junho para conter a disseminação do coronavírus. No entanto, ficou decretado que grandes eventos permanecerão proibidos até 31 de agosto.

Todos os anos, a Oktoberfest atrai milhares de turistas a Munique. Os visitantes – muitos deles vestidos com trajes típicos – sentam-se em mesas comunitárias para beber cerveja e comer salsichas, salsichões, carne de porco, pretzels, Apfelstrudel e outras tentações doces e salgadas típicas da Alemanha. Tudo ao som de animadas bandas musicais.

Além da programação do Parque Vila Germânica. a festa inclui desfiles com bandas alemãs no centro da cidade. Foto: Santur

Blumenau – Já a realização da 37ª Oktoberfest Blumenau, no Vale do Itajaí (SC), está cancelada. Considerado como a maior festa de origem alemã do Brasil e a segunda maior do mundo (só perde para a de Munique), o evento, que é realizado há quase 40 anos no mês de outubro, revive a cultura da Alemanha, reunindo no Parque Vila Germânica barraquinhas com pratos da gastronomia típica do país, bandas alemãs e – é claro – muito chope.

No Brasil, a primeira festa ocorreu em 1984, atraindo mais de 100 mil pessoas durante nove dias. A partir daí, os números crescem a cada ano. Hoje, o evento recebe uma média de 500 mil visitantes. Foto: Proggy/Wikimedia

A Oktoberfest 2020 estava programada para acontecer entre os dias 7 e 25 de outubro, porém devido à pandemia de coronavírus foi cancelada pela prefeitura da cidade no último dia 27, quando também foi suspensa a festa de Réveillon. O anúncio foi feito pelo prefeito Mário Hildebrandt e pelo secretário de Saúde, Winnetou Krambecko, durante transmissão ao vivo pelas redes sociais.

 

Foto do destaque: Na Oktoberfest de Munique todas as cervejas são servidas no masskrug, copo de um litro típico da Alemanha. Crédito: PxHere

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: