6 lugares imperdíveis para conhecer em Aracaju

A capital do Estado de Sergipe reúne atrações naturais, históricas e culturais para mortal algum colocar defeito. Conhecida pela excelente qualidade de vida que oferece aos seus moradores e aos visitantes, a cidade conta ainda com saborosa gastronomia e a simpatia de sua gente.

 

 

Entre rios caudalosos, manguezais e o mar, Aracaju é a menor e a mais tranquila capital do Nordeste. Com quase 650 mil habitantes, a cidade concilia atrativos naturais como parques e praias bem estruturadas a um clima muito hospitaleiro. Abaixo, confira as principais atrações da capital sergipana e planeje o seu roteiro para as férias de Verão.

 

Praia e Orla de Atalaia – É a principal da capital sergipana, o point das baladas e o lugar onde se concentra a zona hoteleira da cidade. A orla é bem cuidada e tem boa infraestrutura, com calçadões, ciclovia, quadras, parques infantis, quiosques, bares e restaurantes – ao lado da carne de sol com pirão de leite, os pratos com peixes e frutos do mar, sobretudo os caranguejos, são o forte da gastronomia local.

Praia de Atalaia - Foto iStock Wagner Tarso A Praia do Atalaia. A sua orla é o point onde tudo acontece. Foto: iStock/Wagner Tarso

 

Com 700 metros quadrados, o Oceanário, o primeiro do Nordeste, é uma atração que encanta pequenos de todas as idades. Idealizado em formato de tartaruga marinha, foi criado em 2002 e é mantido pelo Projeto Tamar. Rodeado por lagos artificiais, guarda em seus tanques interiores diferentes espécies de animais marinhos, como o tubarão lixa. Fica em Atalaia, na Av. Santos Dumont, 1.010, tels. (79) 3243-3214 e (79) 3243-6126. Funciona diariamente das 9 às 21 horas.

Crôa do Goré - Foto Cleverton Ribeiro MTur (1)Crôa do Goré, com seus lindíssimos banco de areia e rio. Foto: Cleverton Ribeiro/MTur

 

Crôa do Goré – Da Orla do Pôr do Sol partem os catamarãs que levam à Crôa do Goré, um banco de areia no Rio Vaza Barris que é formado na maré baixa. Para quem visita o local, há guarda-sóis, redes coloridas, mesas e cadeiras para relaxar. Ali, é possível aproveitar a refrescante água do rio em um trecho bem rasinho, além de degustar bebidas e petiscos. O passeio leva ainda à Ilha dos Namorados.

Museu da Gente Sergipana - foto por Cleverton Ribeiro MTurO museu retrata as tradições e a cultura sergipanas. Foto: Cleverton Ribeiro/ MTur

 

Museu da Gente Sergipana – No centro de Aracaju, esse é um museu premiado, que mostra a cultura sergipana por meio de exposições criativas. Os espaços são dedicados a diferentes aspectos da cultura e das tradições locais, como o cordel, as festas populares e os ritmos do estado.

 

Praia de Aruana – Esta é uma das melhores praias de Aracaju, com ótima balneabilidade, areia clara e mar com um lindo tom azul. É mais tranquila, além de ter uma boa estrutura turística, com barracas de praia. Fica a menos de 5 km de Atalaia.

Palácio Olímpio Campos, Centro - Foto Douglas LeoniInaugurado em 1863, o Palácio Olímpio Campos foi a sede do governo de Sergipe até 1995. Em 2010 foi transformado em um museu. O imperador Dom Pedro II visitou o prédio, ainda em obras, em  janeiro de 1860. Foto: Douglas Leoni/Wikimedia

 

Centro histórico – “Abraçado” pelo Rio Sergipe, o centro histórico de Aracaju proporciona gostoso passeios a pé. Com antigas construções bem preservadas, é uma viagem ao passado da cidade. Além do Museu da Gente Sergipana, visite também a Catedral Metropolitana do século XIX, o Palácio Museu Olímpio Campos, o Palácio Fausto Cardoso e os três mercados municipais, onde você pode encontrar artesanato, doces típicos, frutas, castanhas, peixes e muito mais.

Coroa do Meio em Aracaju - Foto Ruidival Marques WikimediaCoroa do Meio em Aracaju. Foto: Ruidival Marques/Wikimedia

 

Nas imediações – No entorno de Aracaju, há outras cidades que valem a visita, localizadas a poucos quilômetros de distância. Pirambu é uma delas. Além de sua linda praia de areias douradas, guarda a primeira base do Tamar instalada no Brasil. Fora da faixa litorânea. São Cristóvão e Laranjeiras são duas cidades históricas de Sergipe, ambas a menos de 30 km de Aracaju. Considerada a quarta cidade mais antiga do Brasil, São Cristóvão tem mais de 400 anos de história e arquitetura colonial.

 

SERVIÇO

Onde ficar: O Radisson Hotel Aracaju tem a melhor avaliação entre os hotéis da capital sergipana. Com dez anos de funcionamento, faz parte da Rede Atlântica Hotels e oferece diversos diferenciais para atender às expectativas dos hóspedes mais exigentes. Conta com 148 apartamentos equipados com Smart TV, chaleira elétrica com opções de café e chás, secador, ferro e tábua de passar, além de amenities da marca Rituals.

 

Hotel - Fachada

 

A piscina, cercada por espreguiçadeiras, é um convite ao descanso. De lá é possível observar o movimento no calçadão da Orla de Atalaia. O empreendimento possui restaurante, copa baby, lobby bar, SPA, salão de beleza, room service 24h e estacionamento coberto, entre outras mordomias. Também disponibiliza o serviço de transfer cortesia entre o hotel e o aeroporto, mediante agendamento. É pet friendly.

 

Radisson Hotel Aracaju

 

Para o mês de janeiro de 2020, as tarifas estão a partir de R$ 400 (mais taxas) em apartamento para duas pessoas. Fica na Rua Dr. Bezerra de Menezes, 40, tel. (79) 3711-3300, Aracaju (SE). Informações: www.atlanticahotels.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: